Professor da Europeia é tema de reportagem sobre inovação

16/05/2018

O professor da Faculdade Europeia Almir Rodrigues foi um dos personagens do Caderno Especial Reinventar do Jornal do Commercio. Confira abaixo a reportagem:


Caderno Reiventar o novo mundo do trabalho

A velocidade na criação de novidades tecnológicas nos faz lembrar o tempo inteiro que o futuro é todo dia. Robôs, drones inteligentes, carros que andam sozinhos, impressoras 3D, blockchain, inteligência artificial, internet das coisas e tantas outras disrupções empurraram o mundo para a quarta revolução industrial. No mercado de trabalho, o impacto dessas transformações constantes exige a capacidade de se reinventar. O desafio é ainda maior para o Brasil, diante de seus 13,7 milhões de desempregados e da tentativa de emergir da maior crise econômica da história do País.
O JC ouviu especialistas para explicar a revolução 4.0, apontar as competências valorizadas nesse novo universo do trabalho, repensar a vida na pós-aposentadoria, redesenhar as bases da educação para o futuro e reimaginar o mundo num horizonte de 50 anos. Ao longo deste especial, também vamos contar histórias de profissionais, estudantes e empresários que se reinventaram dentro ou fora de suas áreas de atuação, enfrentando desafios e aproveitando oportunidades.




Experiência como diferencial

Almir Rodrigues iniciou carreira profissional no setor bancário quando tinha apenas 16 anos de idade, por intermédio de um programa semelhante ao atual Jovem Aprendiz. Passou por vários cargos na área até ocupar a gerência de instituições financeiras nacionais e estrangeiras. Quando completou 55 anos, já havia acumulado tempo suficiente de contribuição para se aposentar. Fez sua despedida do mundo financeiro quando trabalhava no Banco Cidade, do banqueiro libanês radicado no Brasil Edmundo Safdié. A instituição era conhecida por ter uma carteira de clientes endinheirados.

Inquieto e precisando melhorar a renda familiar, Almir voltou rapidamente para o mercado de trabalho. O período sabático só durou dois meses, quando ele aproveitou para viajar pelas principais capitais da Europa, além de passar pelos Estados Unidos e algumas cidades de países da América Latina. Para se reinventar na vida pós-aposentadoria, decidiu fazer mestrado em administração e enveredar pela carreira acadêmica. Concluiu o curso em 2003 e passou a experimentar o desafio de se deparar com as novas gerações nas salas de aula.

 

 

No ano passado, ficou sabendo que o Sebrae estava contratando bancários aposentados para atuar como consultores no programa Senhor Orientador. Resolveu participar da seleção e ficou entre os 21 selecionados em Pernambuco. A iniciativa orienta pequenos negócios no acesso ao crédito. Com mais essa atividade, Almir divide seu tempo entre a consultoria e as aulas na faculdade, mantendo uma rotina diária de oito horas de trabalho.
Nos intervalos de tempo, encaixa, rigorosamente, uma caminhada de 45 minutos no dia. Aliás, aos 74 anos, cuidar da saúde é um dos segredos do consultor para seguir trabalhando até ficar octogenário e ter mais tempo para ler, curtir os netos e manter uma rotina ainda mais constante de atividades físicas.


Veja também

Confira vídeo do Café Empreendedor 2017

Confira vídeo do Café Empreendedor 2017

28/10/2017 -   #CaféEmpreendedor No vídeo, um pouco do aprendizado sobre empreendedorismo, negócios e gestão promo...

Neurociência a favor do Profissional dos Novos Tempos

Neurociência a favor do Profissional dos Novos Tempos

23/04/2018 - Lígia Pacheco, mestre em Filosofia da Educação pela Universidade de São Paulo (USP) e especialista em Neuroci&ec...

Atenção! Feriado do Dia do Trabalho

Atenção! Feriado do Dia do Trabalho

28/04/2018 - #COMUNICADO: Em virtude do feriado do dia do trabalhador (01/05/2018) terça-feira, não haverá expediente no dia 30/04/2...